logo LEEV

Logo Jararaca-ilhoa



A Ilha da Queimada Grande

A Ilha de Alcatrazes

Criação em Cativeiro

Publicações

Vídeos

O projeto visa à implantação de um centro de conservação de espécies de serpentes endêmicas e ameaçadas de extinção.

Espécies de jararacas insulares, como a jararaca-ilhoa (Bothrops insularis) e a jararaca-de-alcatrazes (Bothrops alcatraz), nativas, respectivamente, das ilhas da Queimada Grande, em Itanhaém (SP), e dos Alcatrazes, em São Sebastião (SP), constam na lista de animais ameaçados de extinção da International Union for Conservation of Nature (IUCN) e carregam especificidades e venenos ainda poucos estudados, com grande potencial científico e farmacológico.

O projeto trabalha em três vertentes: pesquisa básica a respeito da ecologia das espécies, conservação ex situ (fora do lugar de origem) das mesmas, e educação ambiental e conscientização da comunidade em relação à importância das espécies ameaçadas para o ecossistema e para o desenvolvimento de pesquisas.


Foto Ilha da Queimada Grande Foto Jararaca-ilhoa Foto Jararaca-ilhoa


Foto Ilha da Queimada Grande Foto Jararaca-ilhoa Foto Jararaca-ilhoa